quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Jonestown

O vídeo abaixo mostra quão trágico é seguir homens cegamente, sem nenhum senso crítico, sem o devido discernimento espiritual, e sem questionar cada atitude.

Lei do tapinha

Depois da lei que mete na cadeia o pai/mãe que der uma palmadinha no filho, vem aí novas e modernas lei para regular o comportamento moderno:

- Lei para pôr na cadeia quem incomodar os filhos com essa coisa chata de "lição de casa";

- Lei para pôr na cadeia quem submeter os filhos à escravidão dos serviços domésticos, como arrumar o próprio quarto ou lavar uma louça;

- Lei para quem ensinar o filho a limpar o próprio bumbum antes dos 25 anos de idade;

- Lei para quem interromper a liberdade da criança na frente da TV ou do video-game com coisas menores, como por exemplo, estudar, ou visitar os avós, ou ainda o ABSURDO de ir brincar com seus brinquedos lá fora.

- CADEIA ETERNA para o pai/mãe da criança que aparecer com um dente quebrado ou um corte no pé por ter andado de bicicleta ou jogado bola sem o devido acompanhamento de um esquadrão de paramédicos.

Inventam lei todo dia para as maiores bobagens. Mas não tem lei para mauricinho vagabundo vestindo "Hugo Boss", "Nike" e "Tommy Hilfiger" que invade prédio público para protestar por causa de.... pasmem... MACONHA.

É o fim.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Embate entre cidadãos comuns da Europa

Um cidadão alemão escreveu uma carta aberta aos gregos, publicada na revista Stern.
Um grego, chamado Georgios Psomas respondeu-lhe, pondo os pontos em todos os iis.

Ambas foram traduzidas por Sérgio Ribeiro e merecem ser lidas!


Título da Revista STERN

Depois da Alemanha ter tido de salvar os bancos, agora tem de salvar também a Grécia


Caros gregos,

Desde 1981 pertencemos à mesma família.

Nós, os alemães, contribuímos como ninguém mais para um Fundo comum, com mais de 200 mil milhões de euros, enquanto a Grécia recebeu cerca de 100 mil milhões dessa verba, ou seja a maior parcela per capita de qualquer outro povo da U.E.

Nunca nenhum povo até agora ajudou tanto outro povo e durante tanto tempo.

Vocês são, sinceramente, os amigos mais caros que nós temos.

O caso é que não só se enganam a vocês mesmos, como nos enganam a nós.

No essencial, vocês nunca mostraram ser merecedores do nosso Euro. Desde a sua incorporação como moeda da Grécia, nunca conseguiram, até agora, cumprir os critérios de estabilidade. Dentro da U.E., são o povo que mais gasta em bens de consumo

Vocês descobriram a democracia, por isso devem saber que se governa através da vontade do povo, que é, no fundo, quem tem a responsabilidade. Não digam, por isso, que só os políticos têm a responsabilidade do desastre. Ninguém vos obrigou a durante anos fugir aos impostos, a opor-se a qualquer política coerente para reduzir os gastos públicos e ninguém vos obrigou a eleger os governantes que têm tido e têm.

Os gregos são quem nos mostrou o caminho da Democracia, da Filosofia e dos primeiros conhecimentos da Economia Nacional.

Mas, agora, mostram-nos um caminho errado. E chegaram onde chegaram, não vão mais adiante!!!

Walter Wuelleenweber

--------------------------------------------------------------------------------

Resposta de Georgios Psomás

Caro Walter,

Chamo-me Georgios Psomás. Sou funcionário público e não "empregado público" como, depreciativamente, como insulto, se referem a nós os meus compatriotas e os teus compatriotas.

O meu salário é de 1.000 euros. Por mês, hem!... não vás pensar que por dia, como te querem fazer crer no teu País. Repara que ganho um número que nem sequer é inferior em 1.000 euros ao teu, que é de vários milhares.

Desde 1981, tens razão, estamos na mesma família. Só que nós vos concedemos, em exclusividade, um montão de privilégios, como serem os principais fornecedores do povo grego de tecnologia, armas, infraestruturas (duas autoestradas e dois aeroportos internacionais), telecomunicações, produtos de consumo, automóveis, etc.. Se me esqueço de alguma coisa, desculpa. Chamo-te a atenção para o facto de sermos, dentro da U.E., os maiores importadores de produtos de consumo que são fabricados nas fábricas alemãs.

A verdade é que não responsabilizamos apenas os nossos políticos pelo desastre da Grécia. Para ele contribuíram muito algumas grandes empresas alemãs, as que pagaram enormes "comissões" aos nossos políticos para terem contratos, para nos venderem de tudo, e uns quantos submarinos fora de uso, que postos no mar, continuam tombados de costas para o ar.

Sei que ainda não dás crédito ao que te escrevo. Tem paciência, espera, lê toda a carta, e se não conseguir convencer-te, autorizo-te a que me expulses da Eurozona, esse lugar de VERDADE, de PROSPERIDADE, da JUSTIÇA e do CORRECTO.

Estimado Walter,

Passou mais de meio século desde que a 2ª Guerra Mundial terminou. QUER DIZER MAIS DE 50 ANOS desde a época em que a Alemanha deveria ter saldado as suas obrigações para com a Grécia.

Estas dívidas, QUE SÓ A ALEMANHA até agora resiste a saldar com a Grécia (Bulgária e Roménia cumpriram, ao pagar as indemnizações estipuladas), e que consistem em:

1. Uma dívida de 80 milhões de marcos alemães por indemnizações, que ficou por pagar da 1ª Guerra Mundial;

2. Dívidas por diferenças de clearing, no período entre-guerras, que ascendem hoje a 593.873.000 dólares EUA.

3. Os empréstimos em obrigações que contraíu o III Reich em nome da Grécia, na ocupação alemã, que ascendem a 3,5 mil milhões de dólares durante todo o período de ocupação.

4. As reparações que deve a Alemanha à Grécia, pelas confiscações, perseguições, execuções e destruições de povoações inteiras, estradas, pontes, linhas férreas, portos, produto do III Reich, e que, segundo o determinado pelos tribunais aliados, ascende a 7,1 mil milhões de dólares, dos quais a Grécia não viu sequer uma nota.

5. As imensuráveis reparações da Alemanha pela morte de 1.125.960 gregos (38,960 executados, 12 mil mortos como dano colateral, 70 mil mortos em combate, 105 mil mortos em campos de concentração na Alemanha, 600 mil mortos de fome, etc., etc.).

6. A tremenda e imensurável ofensa moral provocada ao povo grego e aos ideais humanísticos da cultura grega.

Amigo Walter, sei que não te deve agradar nada o que escrevo. Lamento-o.

Mas mais me magoa o que a Alemanha quer fazer comigo e com os meus compatriotas.

Amigo Walter: na Grécia laboram 130 empresas alemãs, entre as quais se incluem todos os colossos da indústria do teu País, as quais têm lucros anuais de 6,5 mil milhões de euros. Muito em breve, se as coisas continuarem assim, não poderei comprar mais produtos alemães porque cada vez tenho menos dinheiro. Eu e os meus compatriotas crescemos sempre com privações, vamos aguentar, não tenhas problema. Podemos viver sem BMW, sem Mercedes, sem Opel, sem Skoda. Deixaremos de comprar produtos do Lidl, do Praktiker, da IKEA.

Mas vocês, Walter, como se vão arranjar com os desempregados que esta situação criará, que por aí vos vai obrigar a baixar o seu nível de vida, perder os seus carros de luxo, as suas férias no estrangeiro, as suas excursões sexuais à Tailândia?

Vocês (alemães, suecos, holandeses, e restantes "compatriotas" da Eurozona) pretendem que saíamos da Europa, da Eurozona e não sei mais de onde.

Creio firmemente que devemos fazê-lo, para nos salvarmos de uma União que é um bando de especuladores financeiros, uma equipa em que só jogamos se consumirmos os produtos que vocês oferecem: empréstimos, bens industriais, bens de consumo, obras faraónicas, etc.

E, finalmente, Walter, devemos "acertar" um outro ponto importante, já que vocês também são devedores da Grécia:

EXIGIMOS QUE NOS DEVOLVAM A CIVILIZAÇÃO QUE NOS ROUBARAM!!!

Queremos de volta à Grécia as imortais obras dos nosos antepassados, que estão guardadas nos museus de Berlim, de Munique, de Paris, de Roma e de Londres.

E EXIJO QUE SEJA AGORA!! Já que posso morrer de fome, quero morrer ao lado das obras dos meus antepassados.

Cordialmente,

Georgios Psomás

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Clássico do dia!

Calling occupants of Interplanetary Craft
Carpenters
1976


SIM: eu gosto de clássicos, antigos ou não!
YES: I like classic songs, whatever it's old or not.

NÃO: eu não creio em discos voadores. Deveria? Me convença.
NO: I don't believe flying saucers. Should I? So convince me.




Bebê moderno ... só no celular! rs

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

A chuva

Covardia




Covardia... a face mais maldita da caída natureza humana.

Se existe algo de mais pôdre dentro do homem, isos se chama: covardia.

Hoje, em Cuiabá, um professor foi assassinado covardemente, diante da família, sem a mínima chance de se defender. O assassino planejou o melhor momento, esperou até que seu alvo estivesse totalmente desatento e desprovido de qualquer meio de defesa, e o executou.

Estamos entregues aos covardes... estamos em suas mãos. Não há nenhuma arma, nada que funcione contra a covardia.

A única coisa que nos consola é saber que CADA PESSOA irá colhêr o que plantou, moeda por moeda, semente por semente.


terça-feira, 27 de setembro de 2011

Filho meu

Autoria: Sandro Beraldo

Quem está tocando é meu grande amigo Thiago Zanini!


Filho meu
Porque estás assim
andando triste assim
com o coração tão longe...

Filho meu
Eu nunca te esqueci
Eu sempre estive aqui
Nunca te abandonei jamais

As tuas orações ouvi
Eu te ensinei a caminhar
ao teu pedido eu agi
sem nunca te deixar

Quando a sua lágrima rolou
E no teu rosto ela correu
A minha mão a enxugou

Não temas filho meu
Eis-me aqui...



segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Linda canção...

O homem do futuro

Caros amiguinhos... venho compartilhar o filme que eu assistí neste fim de semana... "O homem do futuro", uma comédia romântica com Wanber Moura e Alinne Moraes.

É um filme bastante engraçado, diversão garantida, mais um daqueles que você diz pra si mesmo: "Realmente oi cinema brasileiro melhorou muito!".

Recomendo!! Segue o link:



quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Comentando o CENTENADA

Sabe aquele time de São Paulo que nunca ganhou a Libertadores?
Não, amigo... não é a Portuguesa... NÃO, nem o Juventus!!

Bom.. veja o comentário e delicie-se... heheheh




segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Tsunami Verde 2011!!

Palestrino: em 26 de Agosto - sexta-feira - faça como eu e mais 14.999.999 de torcedores: vista sua camisa do Verdão e saia na rua!

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Americanos

Eles estão na vanguarda da tecnologia e do progresso mundial.
Mas nem todos. Na verdade... er... poucos.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

[hipocrisia detected]

Um festival de hipocrisia ronda a morte de Amy Winehouse.

1 - Multidões que a detestavam correm para baixar suas músicas, movidos pela curiosidade, afinal todo mundo diz que ela era genial.

2 - Multidões lamentam que uma garotinha de 27 anos tenha perdido a batalha para as drogas como que perguntando: "Pôxa.. todo mundo vendo ela se deteriorando e será que ninguém podia ajudá-la..?!"

3 - Multidões (menores que as anteriores) preparam-se neste exato momento para ganhar toneladas de dinheiro com a morte dela... afinal havia seu terceiro CD em fase de estúdio. Logo, logo estará nas lojas, pode crer.

PS - Aguardem um filme sobre sua vida, muito em breve.

Abrassos.. Çandro!

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Hoje tem futebol!

Mas Caros amigos:

Devido a fatores além do meu controle (*), acabou mal-sucedida minha tentativa de jogar um futebolzinho com os amigos na quinta-feira passada. Considerando que ganhei mais uma semana inteira de preparação(**), hoje terei outra oportunidade de mostrar todo o meu potenssial novamente.

Partindo dessas informações iniciais, eu fiz uma lista com os itens que eu trouxe no carro logo cedo, de casa, gostaria que vossês me ajudassem a verificar se falta alguma coisa:

1 Pente.
1 Toalha.
1 Par de chuteiras de society.
1 Short de futebol.
3 tubos de gelol.
1 Cueca limpa.
1 par de meias de futebol.
2 tornozeleiras.
1 Pote de médio pa grande, contendo frango a passarinho fritinho com farofa. (hmmmmm)
1 camisa do Palmeiras velha e usada (claro porque aquela nova é só em exibições de gala).
2 Saquinhos de plástico (caso precise guardar algo sujo, rasgado, ou ensanguentado).
1 Cartela de Dorflex.
1 Desfibrilador.
1 Aparelhinho de Inalação do meu filho (emprestado, depois eu devolvo).
1 Máquina Digital com Pilhas (***)
1 Aparelho celular.
1 Cadeirinha portátil.

Faltou algo?
Abrassos
Çandro

.
.
.

(*) Minha digníssima teve uma reunião e eu tive que aguardar calmamente sentado na calçada até terminar, o que eu faço com muito gosto considerando que mulher comoela não existe, pois... que outra louca iria topar um cara como eu?! Concordamos todos que não posso facilitar, certo? Mulheres como a Vânia Balarin e a Lauren Prado são raras. Na verdade acho uma coisa que nos iguala aqui nessa lista seja justamente a qualidade, a disposição e o altruísmo de nossas amadas mulheres/namoradas.

(**) Minha semana de preparação contou com intensas atividades físicas como corrida de cobrador a longa distância, arremêsso de conta vencida, levantamento de garfo e nadação, nas modalidades nada de bruços, nada de costas e nada nos bolsos.

(***) As fotos serão batidas antes do jogo, obviamente, enquanto ainda estiver o mínimo apresentável.

terça-feira, 10 de maio de 2011

Verdão

Para meus amigos Palestrinos.

Libertadores 1995: O Verdão havia sido .. digamos... prejudicado... no jogo de ida contra o Grêmio pela Libertadores, com Rivaldo e Válber expulsos ainda no primeiro tempo. Levamos uma sacola de 5 a 0.

No jogo de retorno, em 02/Agosto, recebemos o Grêmio no Palestra. Os caras fizeram 1 a 0 e começaram a brincar com a bola. Mexeram com nosso brilho.
Metemos 1, 2, 3, 4, 5 e só não eliminamos o Grêmio porque eles começaram a bater até no vento e, quando dividíamos a bola, eles caiam como bonecas de pano, parando completamente o jogo, ou seja, foram covardes.

E foi assim que o Palmeiras foi eliminado da Libertadores em 95. Caímos, mas de pé e com honra.

Nossos adversários adoram falar do Palmeiras 3 x 4 Vasco, adoram falar da eliminação contra o Asa, irão falar por anos desse negócio do Coxa, e da derrota para o Manchester em Tóquio (como se tivessem chjegado lá sequer um dia em toda sua história). Mas nunca mencionam a grandeza do Verdão nas muitas conquistas, no Octacampeonato brasileiro, no Mundial de 51, na conquista da libertadores, e em momentos históricos como esse contra o Grêmio.

Mas por que falariam? Isso afinal, tudo isso lhes mete um profundo e enraizado mêdo do mando sagrado alviverde.

O Côxa não fez mais do que nós mesmos faríamos na mesma situação: derrubar um time fortíssimo enquanto é possível pois, se dessem chance, esse mesmo time nos destroçaria. Então que venha o Côxa. Se realmente cairmos, amém, mas cairemos de pé e com honra. Mas se derem abertura... bem, vocês já sabem que tudo é possível no futebol.

Vide os 8 x 1... seguido dos 6 x 0 contra os "terríveis" corinthianos.

Vejam: http://youtu.be/FQja6pmmqzU


Obama rules!

E o cara não pegou mesmo o Osama?....