sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Tecnologia

A tecnologia, de uma forma ou de outra, sempre esteve presente na história da humanidade. O homem inventa um meio de realizar algo de maneira mais eficiente e produtiva, do que conseguiria com as próprias mãos.

Tudo começou com a necessidade humana de sobreviver à fome. O primeiro indício do uso da tecnologia surgiu por acaso. Um troglodita faminto viu uma presa e tentou caçá-la, mas não conseguiu porque ela era mais forte. Quando, doido de fome, resolveu dar uma pedrada na cabeça dela, surgiu a tecnologia.

O homem aprimorou isso, e com o tempo novos itens foram surgindo: pedras, paus, valia jogar tudo. E os itens foram se aperfeiçoando. As pedras foram ganhando formato, os paus também. E logo surgiram pedras enfiadas em paus - precursor da machadinha.

Vale lembrar que alguns itens receberam aprimoramento mas - dada a utilidade - são usados até os dias de hoje para o mais elementar dos instintos humanos: a agressão. (Vide o pau de macarrão).

A humanidade, entretanto, deu um salto com o incrível invento do fogo. Ora, o fogo é o fim: o meio para produzi-lo foram coisas como pedras e gravetos. Tecnologia! E tem mais: o homem inventou o fogo antes mesmo de conseguir se comunicar adequadamente. Portanto provavelmente alguém se queimou por falta de aviso. (ok... essa foi fraca).

Em função das novas possibilidades, foi necessário aprimorar o método de comunicação entre os semelhantes. Gradativamente substituíram os velhos gritos, rosnados e gesticulações, por técnicas mais avançadas de expressão oral. Surgia a fala. E a mulher, com certeza, aprimorou bastante a técnica, como também se vê até nos dias de hoje (ok... acabou minha moral com elas).

Tudo começou a melhorar com a fala. Antes da fala os homens brigavam sem saber o por quê, agora brigavam sabendo o por quê. Que salto! Antes da fala os homens arrastavam as mulheres pretendidas pelos cabelos rumo à sua caverna, agora continuavam arrastando, só que era mais uma questão de... digamos.. fantasia.

Antes da fala, diante de eventuais divergências, eles se matavam democraticamente com dentadas, pauladas e pedradas. A morte de alguns desses cientistas rústicos sempre retardava o desenvolvimento tecnológico. (Nerds já eram fraquinhos desde aquela época).

Com o advento da fala surgiram os primeiros locutores de FM, narradores de jogos e as primeiras fofoqueiras.

Inclusive a fala ajudou a acelerar a finalização de itens de tecnologia que estavam em fase de desenvolvimento mas ainda precisavam de ajuste. Por exemplo, arredondaram a roda, que até então estava quadrada... usaram cipó para amarrar as pedras aos paus, surgindo a machadinha (porque antes disso, ao bater, a pedra vivia caindo), e coisas desse tipo.

Com a fala também melhoraram as técnicas de caçada. Passaram a caçar com estratégia, em bandos. Quando o bixo era grande, eles conversavam sobre a melhor forma de obter a presa: "-Podemos jogar aquele cara ali para a fera: assim podemos pegá-la enquanto estiver ocupada devorando ele!"

Mas como tudo evolui, a humanidade logo percebeu que não bastava falar: era necessário REGISTRAR o que de produtivo se falava (palavras úteis e produtivas desde os primórdios até os dias de hoje são minoria - veja este texto por exemplo).

Assim, o homem desenvolveu um tipo de arte. Criou a tecnologia dos pincéis de crina de unicórnio, pêlo de dinossauro, etc, além de outros utensílios, como cuias de cranio de macaco, etc. A tinta era feita de extrato de plantas, sangue de animais não-humanos e coisas do gênero. Com toda essa tecnologia começou a pintar sua história nos próprios corpos e nas pedras e interiores de cavernas. Eram cavalos, caçadas, reis e rainhas, animais, figuras variadas, histórias em quadrinhos e equações do segundo grau. Surgiam os precursores dos artistas, historiadores, publicitários e profissionais de marketing.

Essa pequena evolução abriu espaço para algo muito maior: a preservação do conhecimento. Ora, os homens morriam - como até hoje se percebe - mas o conhecimento precisava ser preservado... e se possível transportado! No começo os homens tentaram com pinturas, mas ninguém entendia nada (até hoje é assim com muitas delas). Além do mais não havia uma lógica, as pinturas não explicavam o que fazer, e como fazer. Era necessária uma linguagem escrita!

E isso não demorou para ser criado, pois já há algum tempo todo mundo estava falando pelos cotovelos, especialmente... bem... vocês sabem quem.

E assim foram os primórdios da evolução do conhecimento e da tecnologia. Depois dos difíceis primeiros passos, coisas novas foram sendo criadas e as pessoas humanas passaram a viver mais e trabalhar menos. Invenções altamente tecnlógicas como o papel, o telégrafo, a telefonia, a computação, a internet e os celulares vieram para descomplicar nossa vida e nos dar bastante tempo livre para desfrutar a vida, andar pelos campos, sentir a natureza, enfim, ter uma vida de qualidade total como o que vemos hoje.

Trabalhamos poucas horas por dia... temos muito lazer... cultura... diversão.. saúde... graças a tecnologia.

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Os poetas

Os poetas cantam suas vãs sonatas
Para reviver as esperanças mortas
Cultivar o belo entre linhas rotas
Encantar a vida em suas faces ingratas

Os poetas vivem de trazer à vida
Cheiros de alegria e paixões inatas
Lágrimas de amor em cores abstratas
Alguma beleza à pedra embrutecida

Resgatando amores em palavras perdidas
Perseguindo sonhos ora tão distantes
Como diamantes aos quais dilapida

Em canções ora alegres, ora doridas
Sequestrando almas, consciências, mentes
Pr'a voar contentes em asas coloridas

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Hora de desacelerar

Hora de descansar...
Parar o que se está fazendo, desligar a mente
Desconectar-se dos problemas, isolar-se um pouco das tensões...

Hora de olhar para dentro
Recordar coisas boas
Lembranças recentes ou distantes
De momentos agradáveis, de vento no rosto e beleza no olhar...

Hora de sentir aquele abraço do pai, da mãe, dos irmãos
A companhia daqueles que cuidaram de você, quando você mesmo não podia
Lembrar o carinho, o cuidado, até mesmo as broncas
Quando te salvaram, quando te protegeram, quando te ensinaram...

Hora de sorrir com aquela criança
Brincar com aqueles brinquedos
Recordar aquela pequena companhia
Rever as roupinhas, as coisinhas,
As brincadeiras...

Hora de respirar aquele perfume
Recordar aquele sorriso, aquele toque, aquele beijo
Ouvir novamente aquela música
Reviver aquele amor, aquele momento mágico...

Hora de recordar daqueles momentos únicos
Aquela viagem, aquele sítio, aquela praia
O vento, o sol, a noite, as luzes
Aquele evento, aquela festa, aquela ocasião...
As pessoas...

...

Ah... as pessoas. Elas fazem toda a diferença na vida da gente.
Não existe nada verdadeiramente ruim...
Todas as coisas que acontecem têm sua finalidade.

...

A vida é efêmera. Pare um pouco agora e... volte àquele lugar.

domingo, 3 de agosto de 2008

Arnaldo Jabor

Um texto hilário do Arnaldo Jabor sobre o MSN:

O espaço 'nome' foi criado pela Microsoft para que você digite O NOME que lhe foi dado no batismo. Assim seus amigos aparecem de forma ordenada e você não tem que ficar clicando em cima dos mesmos pra descobrir que 'Vendo Abadá do Chiclete e Ivete' é na verdade Tiago Carvalho, ou 'Ainda te amo Pedro Henrique' é o MSN de Marcela Cordeiro. Mas a melhor parte da brincadeira é que normalmente o nick
diz muito sobre o estado de espírito e perfil da pessoa. Portanto, toda vez que você encontrar um nick desses por aí, pare para analisar que você já saberá tudo sobre a pessoa...

'A-M-I-G-A-S o fim de semana foi perfeito!!!' acabou de entrar. Essa com certeza, assim como as amigas piriguetes (perigosas), terminou o namoro e está encalhadona.
Uma semana antes estava com o nick 'O fim de semana promete'. Quer mostrar pro ex e pros peguetes (perigosos) que tem vida própria, mas a única coisa que fez no fim de semana foi encher o rabo de Balalaika, Baikal e Velho Barreiro e beijar umas bocas repetidas.

O pior é que você conhece o casal e está no meio desse 'tiroteio', já que o ex dela é também conhecido seu, entra com o nick 'Hoje tem mais balada!', tentando impressionar seus amigos e amigas e as novas presas de sua mira, de que sua vida está mais do que movimentada, além de tentar fazer raiva na ex.

'Polly em NY' acabou de entrar. Essa com certeza quer que todos saibam que ela está em uma viagem bacana. Tanto que em breve colocará uma foto da 5ª Avenida no Orkut
com a legenda 'Eu em Nova York'. Por que ninguém bota no Orkut foto de uma viagem feita a Praia-Grande - SP ?

'Quando Deus te desenhou ele tava namorando' acabou de entrar. Essa pessoa provavelmente não tem nenhuma criatividade, gosto musical e interesse por cultura. Só ouve o que está na moda e mais tocada nas paradas de sucesso. Normalmente coloca trechos como 'Diga que valeuuu' ou 'O Asa Arreia' na época do carnaval.

Por que a vida faz isso comigo?' acabou de entrar. Quando essa pessoa entrar bloqueie imediatamente. Está depressiva porque tomou um pé na bu*nda e irá te chamar pra ficar falando sobre o ex.

' Maria Paula ocupada prá c** ' acabou de entrar. Se está ocupada prá c**, por que entrou cara-pálida? Sempre que vir uma pessoa dessas entrar, puxe papo só pra resenhar; ela não vai resistir à janelinha azul piscando na telinha e vai mandar o trabalho pro espaço. Com certeza.

'Paulão, quero você acima de tudo' acabou de entrar. Se ama compre um apartamento e vá morar com ele. Uma dica: Mulher adora disputar com as amigas. Quanto mais você mostrar que o tal do Paulão é tudo de bom, maiores são as chances de você ter o olho furado pelas sua amigas piriguetes (perigosas).

'Marizinha no banho' acabou de entrar. Essa não consegue mais desgrudar do MSN. Até quando vai beber água troca seu nick para 'Marizinha bebendo água'. Ganhou do pai um laptop pra usar enquanto estiver no banheiro, mas nunca tem coragem de colocar o nick
'Marizinha matriculando o moleque na natação'.

' < . ººº< . ººº< / @ || e $ $ ! || |-| @ >ªªª . >ªªª >' acabou de entrar. Essa aí acha que seu nome é o Código da Vinci pronto a ser decodificado. Cuidado ao conversar: ela pode dizer 'q vc eh mtu déixxx, q gosta di vc mtuXXX, ti mandá um bjuXX'.

'Galinha que persegue pato morre afogada' acabou de entrar. Essa ai tomou um zig e está doida pra dar uma coça na piriguete que tá dando em cima do seu ex. Quando está de bem com a vida, costuma usar outros nicks-provérbios de Dalai Lama, Lair de Souza e cia.

VENDO ingressos para a Chopada, Camarote Vivo Festival de Verão, ABADÁ DO EVA, Bonfim Light, bate-volta da vaquejada de Serrinha e LP' acabou de entrar. Essa pessoa está desesperada pra ganhar um dinheiro extra e acha que a janelinha de 200 x 115 pixels que sobe no meu computador é espaço publicitário.

'Me pegue pelos cabelos, sinta meu cheiro, me jogue pelo ar, me leve pro seu banheiro...' acabou de entrar. Sempre usa um provérbio, trecho de música ou nick sedutores. Adora usar trechos de funk ou pagode com duplo sentido. Está há 6 meses sem dar um tapa na macaca e está doida prá arrumar alguém pra fazer o servicinho.

'Danny Bananinha' acabou de entrar. Quer de qualquer jeito emplacar um apelido para si própria, mas todos insistem em lhe chamar de Melecão, sua alcunha de escola. Adora se comparar a celebridades gostosas, botar fotos tiradas por si mesma no espelho com os peitos saindo da blusa rosa. Quer ser famosa. Mas não chegará nem a
figurante do Linha Direta.

Bom é isso, se quiserem escrever alguma mensagem, declaração ou qualquer coisa do tipo, tem o campo certo em opções 'digitem uma mensagem pessoal para que seus contatos a vejam' ou melhor, fica bem embaixo do campo do nome!! Vamos facilitar!!! !

Arnaldo Jabor