quarta-feira, 4 de abril de 2007

Pogramas

Levo a vida fazendo programas. Ok, vamos lá à piada comum: "Garoto de programas".. rsrsr...
Essa piadinha aí tá batida demais.. deixa a piadinha quieta no cantinho dela.

A vida de um programador de sistemas é um pouco curiosa. Muitas pessoas admiram o trabalho desses profissionais, partindo sempre do pressuposto de que - primeiro - se acham incapazes de fazer o mesmo que eles fazem e - segundo - eles são gênios.

Bom lamento informar mas a maioria esmagadora dos programadores NÃO são gênios (como eu obviamente não sou), não passam de gente comum (como eu), que aprendeu a lógica dos bits, comandos e sequências, e fluxos, e etc etc etc (acho que aí nem eu). Assim como um médico aprende a manipular um órgão (éca), ou como um dentista aprende fazer um canal (aff), ou um alfaiate a fazer um bom terno. Ou uma mulher a cozinhar (ops.. brincadeirinha machista hihihi)...

Eu gosto de fazer programas de computador. Minha preferência é por programas que funcionam na internet. Sinto prazer nessa coisa de ver os outros usando minha criação - e ela funcionando, claro. De preferência me dando algum vintém, que ninguém vive só de amor.

Estou trabalhando num sistema hoje, que irá concentrar em si e distribuir aos afiliados (entenda-se: aos que têm o devido login e senha) um certo processo - a um custo único - o que antes era feito por cada afiliado individualmente - a custos igualmente individuais. Ou seja, a tecnologia a serviço da economia. De tempo e de grana. Afinal nessa terra que me há de comer até os ossos, a finalidade da existência humana é o amor, mas a lógica que rege o mundo é a da bufunfa.

Estamos em um trabalho bastante acelerado com esse sistema e acreditamos que vamos conseguir entregá-lo até o verão de 2027.

Nenhum comentário: