sexta-feira, 13 de abril de 2007

Ode aos preguiçosos

Este é um lugar iluminado
Onde nada nos atrapalha
Onde todo dia é feriado
Porque aqui ninguém trabalha.

Não que haja preguiça
Mas é que quando começamos
Ou é o computador que enguiça
Ou somos nós que cansamos.

E assim, mantendo a fachada
De que há força empenhada
E que a todos engana.

Continuamos trabalhando
De mentirinha, e esperando
O próximo fim de semana.

Nenhum comentário: